Aqui você encontra!

Novidades

  Banda norte-americana está em...
  De acordo com o ‘TMZ’, a...
Ela prefere calçola Juliana Paes diz...
  Atriz conferiu a apresentação...
  Cantora se apresentou nesta...
  Durante desfile de lingerie,...
  No Orkut, corintiano dá uma de...
  Representante de produtora diz...
Uma curiosa pose do holandês Robben...
Assista ao making of do...
Estudante de 15 anos é morta após...
    Imagem:...
  Eliza Samudio despareceu há...
Preso que comeu pulmão de colega é...
  Museu de 30 metros de altura e...
1 | 2 | 3 | 4 >>

Mulheres

Homens

Esta seção está vazia.

Lista de itens - fotos

Esta lista está vazia.

Polícia investiga desaparecimento de ex-namorada de goleiro do Flamengo

27/06/2010 15:15

 

Eliza Samudio despareceu há três semanas, segundo polícia de MG.
Delegada diz que jogador Bruno e dois amigos são suspeitos no caso.

Do G1, com informações do Jornal Nacional e do MGTV

A delegada da Divisão de Homicídios de Contagem (MG) Alessandra Wilke, que investiga o desaparecimento da ex-namorada do goleiro Bruno, afirmou neste sábado (27) que o jogador do Flamengo é suspeito de ter participado do episódio.

De acordo com investigadores, denúncias anônimas davam conta de que Bruno e dois amigos teriam espancado Eliza Samudio, de 25 anos, no sítio do atleta em Ribeirão das Neves, região metropolitana de Belo Horizonte. Após o crime, o corpo da vítima teria sido escondido.

"Conforme a denúncia e todo o histórico de tentar esconder esse menor, (suspeita) seria que ele e mais dois amigos agrediram a Eliza, que provavelmente veio a óbito, e ocultaram o cadáver", disse a delegada.

Segundo a polícia, Eliza seria mãe de um filho de Bruno fora do casamento. Amigas dela teriam dito em depoimento que a jovem se preparava para se mudar do Rio de Janeiro para Belo Horizonte. Ela teria sido convidada por Bruno para morar lá com o filho.

O menino, de quatro meses, foi localizado durante a madrugada em uma casa em Ribeirão das Neves com desconhecidos e encaminhado a um abrigo.

Os investigadores pediram o rastreamento do celular de Eliza, que desapareceu há três semanas, ainda de acordo com depoimento das amigas à polícia. A ideia é tentar descobrir por onde ela andou depois que desapareceu.

Esposa detida e liberada
A esposa de Bruno, Dayane Souza, foi detida pela polícia de Contagem na noite desta sexta-feira e liberada após prestar depoimento. Ela possui residência fixa no estado e não tem antecedentes criminais.

O goleiro não foi encontrado para falar sobre o assunto. De acordo com o vice-presidente jurídico do Flamengo, Michel Assef Filho, o jogador está à disposição da polícia para prestar esclarecimentos. "Tudo me soou estranho porque o Bruno fez um acordo com a Eliza há poucos dias. Na investigação da paternidade, os elementos estão tramitando na Justiça do Rio de Janeiro", disse ele.

Segundo a delegada, Bruno deve ser ouvido no inquérito na próxima semana.

Histórico
Em outubro do ano passado, Eliza Samúdio prestou queixa contra o atleta por sequestro, ameaça e agressão na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. De acordo com o depoimento dela, Bruno e dois amigos a obrigaram a ingerir remédios abortivos na ocasião. A mulher disse que o goleiro chegou a ameaçá-la com uma arma apontada para a cabeça, mas ele negou as acusações.

Um laudo do Instituto Médico legal sobre o resultado do exame corpo de delito feito por ela na ocasião encontrou "vestígios de agressão" na jovem. Responsável pela investigação do caso, a delegada Maria Aparecida Mallet chegou a pedir medidas protetivas que impediam o atleta de se aproximar mais do que 300 metros de Samudio e de sua família.

 

 

 Relembre a declaração polemica de Bruno a alguns meses atrás, sobre o caso de Adriano ter agredido a mulher:

 



http://www.youtube.com/watch?v=D4vZDt9Cpv0

 

 

 

 

Fonte

google.com wikipedia.com globo.com